quarta-feira, 11 de novembro de 2009

Casarões da Avenida Paulo de Frontin


Casarão enigmático no final da avenida.


1916
Esquina de Rua do Bispo. Podemos ver partes das torres da Igreja de São Pedro.


Av. Paulo de Frontin - 1928

O pequeno sobrado da extrema direita existe até hoje. O da esquerda também. Pode-se ver parte das torres da Igreja de São Pedro com suas palmeiras. Estamos na esquina com Rua do Bispo


1915


Av. Paulo de Frontin - 1921 O rio Comprido, ainda a céu aberto, sem o "trambolhão" que construiram por sobre o seu curso.



Após o elevado, somente a decadência.








































Casarão todo gradeado.




Detalhe da data da construção e das concertinas que cercam toda a casa, até o telhado. 3 nov 09



3 nov 09



3 nov 09



3 nov 09


3 nov 09


3 nov 09



3 nov 09


3 nov 09


11 nov 09




Com sua arquitetura peculiar, casarão, em petição de miséria, abandonado e decadente. 11 de nov. 2009.



Outro ângulo do mesmo casarão


Bela construção, à venda, abandonada e com cerca de concertina e grades. Consequência da violência e decadência das redondezas.


Outro ângulo dos casarões da Paulo de Frontin - 11 de nov. de 2009


Mais um casarão, con sua arquitetura peculiar, belo exemplo do antigo apogeu da Avenida e retrato pungente da decadência atual. 11 de nov. de 2009


Reparem a decadência e beleza da construção. Pena!


As esquadrias, os recortes das janelas, a varanda superior lateral. Características de uma época.





Reparem que belíssimo casarão, todo de pedras e com pó de pedra, no finalzinho da Av. Paulo de Frontin.


Fim da Avenida. A construção é linda. o estado dela... decadente. 11 de nov. de 2009


Reparem as pichações nos casarões. Retrato do descaso e abandono. 11 de nov. de 2009




Onipresente, o elevado passa por sobre toda a avenida.



Mais exemplos dos casarões da região. Todas decadentes - 11.11.09


Um exemplo de casarão relativamente bem cuidado.


Praça Condessa Paulo de Frontin - 11.11.09

Um comentário:

  1. Gostaria de saber em que altura da avenida está esse casarão de pedra. Finalzinho da Paulo de frontin que numero? estou desconfiado que nela morou um amigo de infancia. Morei boa parte da minha infancia nessa avenida, antes do elevado, na época da paz.

    ResponderExcluir